Associação 25 de Abril "não se quer arvorar em solução"

O coronel Vasco Lourenço afirmou esta quarta-feira que a Associação 25 de Abril, a que preside, "não se quer arvorar em solução" para os problemas políticos do País e recusa "abrir expectativas a que não pudesse dar resposta".

"Não alimentem expetativas de que a A25A vai resolver os problemas", declarou Vasco Lourenço, que intervinha num almoço organizado na sede da associação com os oficiais do movimento dos capitães que estavam no posto de comando do Regimento da Pontinha quando começou a revolução.

"Apelamos à sua resolução por meios democráticos", uma vez que "temos consciência do nosso papel e não gostaríamos de defraudar portugueses", insistiu Vasco Lourenço, dizendo que hesitou "antes de ir ao Largo do Carmo" no passado dia 25 de Abril para discursar, por receio de "abrir expectativas" que os capitães de Abril "não pudessem dar resposta".

"Somos um espaço de intervenção cívica e cultural", mas que vai "lutando contra aqueles que nos querem calar a voz e prender as mãos com slogans", sublinhou Vasco Lourenço.

"Não nos arvoramos em donos nem tutores de nada. Fizemos o 25 de Abril, devolvemos o poder ao povo e a liberdade", só que "não abdicamos de ser cidadãos de corpo inteiro e usufruir da liberdade que ajudámos o povo português a conquistar", enfatizou o presidente da A25A.

"Estamos com a democracia, mas isso não nos impede de dizer" que o Presidente da República e o Governo de Pedro Passos Coelho e Paulo Portas "nos envergonham todos os dias".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Legalização do lobbying

No dia 7 de junho foi aprovada, na Assembleia da República, a legalização do lobbying. Esta regulamentação possibilitará a participação dos cidadãos e das empresas nos processos de formação das decisões públicas, algo fundamental num Estado de direito democrático. Além dos efeitos práticos que terá o controlo desta atividade, a aprovação desta lei traz uma mensagem muito importante para a sociedade: a de que também a classe política está empenhada em aumentar a transparência e em restaurar a confiança dos cidadãos no poder político.