Álvaro Beleza fala em "sistema de jagunços" no PS

Membro da equipa de Seguro no Secretariado Nacional do PS, Álvaro Beleza pede que o pagamento de quotas deixe de ser obrigatório no partido para se poder votar. E ataca Mesquita Machado, que denunciou "batota" em Braga: "Ganhou com certeza muitas eleições internas a pagar quotas de outros."

Contestanto a possibilidade de uma pessoa pagar quotas de outra - como parece ter acontecido massivamente na federação distrital de Braga do PS - Beleza, o "inventor" das primárias no PS, denuncia que existe no partido um "sistema de jagunços" que funciona "como o nordeste brasileiro no tempo dos coronéis".

Leia mais pormenores no e-paper do DN

Exclusivos