Adjunto de Miguel Relvas demite-se

Adelino Cunha disse à revista "Sábado" que o seu pedido de demissão foi aceite.

Segundo a edição online da revista "Sábado", foram encontradas mensagens 'sms' trocadas entre o adjunto e o ex-diretor do SIED Jorge Silva Carvalho entre 8 e 15 de Setembro de 2011.

Questionado pela revista, Adelino Cunha, ex-jornalista, terá dito: "Apresentei o pedido de demissão, que o ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares aceitou". Adelino Cunha acrescentou que conheceu Silva Carvalho antes de ser adjunto de Relvas, tendo continuado a contactá-lo por sua iniciativa quando já exercia funções no Governo.

Relacionadas

Brand Story

Tui

Últimas notícias

Mais popular

  • no dn.pt
  • Política
Pub
Pub