Guerra de microfones no Parlamento: deputado do PS corta o som a secretário de Estado

Deputado do PS impede secretário de Estado de o interromper e tira-lhe o microfone, acusando-o de desconhecer as regras parlamentares.

O socialista Eduardo Cabrita, afirmando que o secretário de Estado Paulo Núncio "faltou à verdade", a propósito da reforma do IRC, contou a sua versão dos factos sobre o acordo feito sobre a matéria entre Governo e PS.

Com Paulo Núncio a querer interrompê-lo, Eduardo Cabrita impediu o governante de ligar o microfone e puxou-o para si, declarando que o secretário de Estado "não dirige trabalhos" da comissão.

"Ouvi-o durante 28 minutos, vai ouvir três referências porque está em causa uma questão de verdade", argumentou Eduardo Cabrita, enquanto Paulo Núncio contrapunha em tom irritado: "Seja verdadeiro, seja verdadeiro."

"Respeite o Parlamento", insistiu Eduardo Cabrita, também irritado, enquanto os deputados presentes iam manifestando espanto e perplexidade.

Exclusivos