"Governo tem em prática um plano para salvar o SNS"

No seu discurso final na Assembleia da República, Paulo Macedo afirmou que o Governo tem em prática um plano para salvar o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

"É por causa das pessoas que aqui estamos. A nós só nos interessa o Serviço Nacional de Saúde porque é através dele que podemos servir melhor as pessoas. A qualidade de gestão é um imperativo ético. Entendemos que há várias diferenças e não são só ideológicas", afirmou hoje o ministro da Saúde na AR.

Segundo Paulo Macedo, "com lucidez, há que enfrentar as dificuldades e desconstruir mitos criados em redor da política da Saúde". De acordo com o ministro, o primeiro mito é o de que o Governo não defende o SNS. Para provar que tal não acontece, o governante garante que há um reforço do SNS, cujo principal desafio consiste em ajustar os custos do SNS à capacidade que as pessoas têm possibilidade de disponibilizar.

Macedo disse ainda que "não estão a ser feitos cortes cegos". Estes têm como objectivo "assegurar a sustentabilidade". É com esse fim, que "o Governo tem em prática um plano para salvar o SNS. E a saúde dos portugueses não será afectada".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG