"Fomos os únicos contra estatuto dos eurodeputados"

Cabeça de lista da CDU recusa a ideia de que Parlamento Europeu seja uma "prateleira dourada" e diz também nesse capítulo os deputados da coligação "são diferentes".

Para João Ferreira, cabeça de lista da CDU, um lugar no Parlamento Europeu está longe de ser uma "prateleira dourada". A ideia foi veiculada na noite desta quinta-feira em Montemor-o-Novo, num jantar de campanha para as eleições do próximo dia 25.

O candidato recordou, por isso, que "os deputados da CDU foram os únicos a votar contra o novo estatuto dos eurodeputados", posição que revela, no seu entender, "coerência com a recusa de benefícios pessoais" no exercício de cargos políticos, nomeadamente em Bruxelas.

No discurso, João Ferreira criticou aqueles que continua a apelidar de "iguais", vincando ainda que agora "parece haver quem queira abrir caminho novamente ao 'todos juntos'" na governação, numa nova farpa a PS e PSD, que não fecham as portas a um Executivo de bloco central resultante das legislativas do próximo ano.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG