Ferro Rodrigues tenta manter pontes com Marinho Pinto

Marinho Pinto disse que houve um "negócio" entre Ferro Rodrigues e António Costa - o primeiro apoiou o segundo em troca a sua promoção a líder parlamentar dos socialistas - e agora Ferro Rodrigues afirma-se "surpreendido" com essas declarações, embora desvalorizando os seus efeitos futuros na relação do ex-bastonário com o PS.

Numa entrevista DN/TSF - que amanhã será revelada na íntegra - Ferro Rodrigues elogia o líder do futuro PDR (Partido Democrático Republicano): "Sou daquelas pessoas que sempre considerou que se o populismo em Portugal era Marinho Pinto então estamos bem servidos".

"Marinho Pinto - prosseguiu - tem uma escola de pensamento democrático e de esquerda" e aliás fez há dez anos, quando estava atingido pelo Processo Casa Pia, "várias intervenções públicas que foram em contra-corrente e contra o populismo uma parte da magistratura e da comunicação social". "Foram intervenções que muito apreciei."

Para o novo líder da bancada socialista, os ataques de Marinho Pinto ao PS e à sua nova liderança resultam assim apenas do facto de o partido ter agora "capacidade de atração do eleitorado abstencionista", pescando votos na área do PDR.

São portanto declarações que decorrem de "aspectos espumosos ou espumantes" da atualidade política e nada mais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG