"Estamos a assistir ao renascer dos Estaleiros de Viana"

O ministro da Defesa afirmou que o Governo tomou a "melhor decisão" ao adjudicar os Estaleiros Navais de Viana do Castelo à Martifer, pois poderão ser criados 400 postos de trabalho.

José Pedro Aguiar-Branco defendeu esta quinta-feira, em entrevista à SIC, que a subconcessão dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) à empresa Martifer foi a "melhor decisão" que o Governo poderia ter tomado, dado que, no seu entender, as condições que existiam quando o Executivo tomou posse eram "bem piores" do aquelas que se verificam atualmente.

O ministro da Defesa Nacional vincou dos "609 trabalhadores cerca de 230 terão acesso à reforma - que já têm idade para isso - e dos 360 que sobram, não só receberão indemnizações, que vão desde seis mil euros aos 200 mil, como terão a possibilidade de trabalhar para a nova empresa a partir de janeiro, pois é natural que a Martifer vá buscar trabalhadores que já conhecem a actividade".

"A minha preocupação é manter e assegurar os ENVC e manter assegurado os postos de trabalho e que aqueles trabalhadores recebam as indemnizações", frisou Aguiar-Branco, recusando ser responsável por qualquer "crime social", como acusaram os trabalhadores.

Por isso, o governante acredita que "não estamos a assistir ao fim dos ENVC mas ao seu renascer", lembrando ainda os "enormes prejuízos" que estes traziam ao País antes da subconcessão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG