Cerimónia evocativa reúne políticos e artistas

Uma cerimónia evocativa do eurodeputado e fundador do Bloco de Esquerda (BE) Miguel Portas vai reunir hoje em Lisboa Paulo Portas, Francisco Louçã, António Costa, Ruben de Carvalho e músicos como Mário Laginha e Xana.

A sessão, que terá lugar no Jardim de Inverno do Teatro São Luiz, contará com a intervenção de André Portas, filho de Miguel Portas, e do seu irmão, Paulo Portas, ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros e líder do CDS-PP.

O coordenador do Bloco de Esquerda, Francisco Louçã, o presidente da Câmara de Lisboa, António Costa (PS), o vereador comunista em Lisboa Ruben de Carvalho, o deputado bloquista João Semedo e a eurodeputada do BE Marisa Matias também serão oradores, assim como as fadistas Aldina Duarte e Mísia.

A atriz Rita Blanco lerá excertos do livro de Miguel Portas "Périplo", numa sessão com apontamentos musicais de Mário Lajinha e de Xana (com Flak e Alex), entre outros, e um slideshow com fotos feito pelo designer Henrique Cayatte.

A sessão terá início pelas 14:30 com a "playlist" que Miguel Portas fez para a TSF.

Miguel Portas morreu na terça-feira em Antuérpia, aos 53 anos, vítima de cancro do pulmão.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG