Balsemão quer "limpeza" nos serviços secretos

Entrevistado na Rádio Renascença, o presidente do grupo Impresa (SIC, Expresso, etc), disse que o atual estado das 'secretas' é de "miséria moral".

"Não é possível que existam serviços secretos para municiar interesses privados", afirmou ainda o militante nº 1 do PSD.

Balsemão - sobre quem a Ongoing fez um relatório, com detalhes da sua vida privada, o qual consta no processo em que o Jorge Silva Carvalho é acusado de corrupção - pediu uma "imediata limpeza" dos serviços de informações.

A situação, disse ainda, "deve-se a uma promiscuidade perigosa e indesejável entre poder político e económico".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG