"O PS e o PSD são partidos colaboracionistas, e isso é traição à pátria"

A habitual pose hirta desmancha-se mal Francisco cruza a porta do Oh Lacerda, à Avenida de Berna. Sorriso rasgado, dois dedos de conversa e Louçã, o Chico, sente-se em casa.

"O Lacerda é um camarada nosso, da UDP. Não faço a mínima ideia em quem é que ele votou, mas é um grande amigo", sublinha na primeira referência aos tempos agitados que, por estes dias , se vão vivendo no Bloco de Esquerda.

A luta interna pelo poder trava-se entre os herdeiros da UDP de Luís Fazenda e os guardiões da memória do PSR e da Política XXI de Miguel Portas. Vai para mais de 15 anos.

Leia mais no e-paper do DN ou edição impressa

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG