Chega anuncia adiamento do Conselho Nacional "devido às restrições"

O Chega vai adiar o Conselho Nacional agendado dia 29, justificando a decisão com as "restrições que estarão em vigor".

A direção do Chega, em comunicado enviado às redações, anuncia o adiamento do Conselho Nacional agendado para o próximo domingo, dia 29 de novembro. Justifica a decisão com as "restrições que estarão em vigor" e para não "desrespeitar" os portugueses.

"Na sequência das novas medidas de restrições anunciadas, este sábado, pelo senhor primeiro-ministro, António Costa, a Direção Nacional do Chega decidiu adiar a realização do Conselho Nacional do partido que estava agendada para o próximo dia 29 de novembro, em Sintra", lê-se no comunicado.

A direção do Chega "entende não ser possível realizar o Conselho Nacional, pois ao fazê-lo estaria a desrespeitar os milhões de portugueses que são obrigados a permanecer nas suas casas".

Para mais, numa altura em que "os portugueses são impedidos de usufruir das suas liberdades e garantias consagradas pela Constituição da República Portuguesa, uma vez que o Governo considera que é esta a melhor forma de combater o contágio por covid-19".

O Chega assinala que discorda das medidas anunciadas este sábado pelo Governo mas salienta que, "mais do que nunca, deve estar ao lado dos portugueses, atirando para segundo plano a resolução de questões internas próprias da vida de um partido".

O partido desafia ainda o PCP a adiar o seu congresso, também agendado para o próximo fim de semana, alegando que, desta forma, os comunistas dariam "uma prova de respeito por todos os portugueses e, em especial, por aqueles que mais sofrem por serem obrigados a encerrar os seus negócios, colocando, assim, em causa a sua sobrevivência".

Bombeiros de Sintra negam reunião

O Chega tinha anunciado que o Conselho Nacional se realizaria na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Sintra. Mas a associação, também este sábado em comunicado, indicou não ter recebido "qualquer contacto" nesse sentido.

"Estando a ser anunciado em alguns órgãos de comunicação social que o Conselho Nacional do Partido Chega irá ter lugar nas instalações dos Bombeiros Voluntários de Sintra, vem esta Associação esclarecer que tal notícia é FALSA, não tendo existido qualquer contacto nesse sentido".


Na convocatória que tinha sido publicada no seu 'site', e entretanto retirada, o Chega chamava "todos os conselheiros nacionais para o Conselho Nacional a realizar no próximo dia 29 de novembro de 2020".

Era referido que o encontro iria decorrer nas instalações dos Bombeiros Voluntários de Sintra (distrito de Lisboa) e teria início pelas 15:30.

A informação indicava também que a ordem de trabalhos seria composta por três pontos: "informações", "análise da situação política" e, por último, "proposta e votação da suspensão do presidente da Comissão Política Distrital de Faro".

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG