Um quarto de século celebrado com casamento de arte e moda

Início da 46.ª edição da ModaLisboa teve como destaques a exposição Gineceu Androceu e a estreia do filme retrospetivo dos 30 anos de carreira de Nuno Gama

Vinte e cinco anos de irreverência e excentricidade que colocaram Lisboa no calendário da moda europeia. A 46.ª edição da ModaLisboa arrancou no Pátio da Galé com a plataforma Sangue Novo e terminou no Centro Cultural de Belém com a apresentação de um filme retrospetivo dos 30 anos de carreira do estilista Nuno Gama.

"A ModaLisboa é um evento muito importante para o calendário da cidade que a câmara tem apoiado ao longo dos anos e que tem sido uma aposta bem-sucedida", afirmou Fernando Medina, presidente do município.

Os criadores da plataforma Sangue Novo, que promove os novos talentos da moda nacional, foram os primeiros a mostrar o seu trabalho ao público. "É um projeto muito importante e que pretendemos continuar a apoiar, uma vez que a moda tem de se renovar através das novas gerações", constatou Eduarda Abbondanza, diretora deste certame.

A primeira noite de desfiles da ModaLisboa, que neste ano celebra 25 anos, também contou com a apresentação das novas coleções de Nair Xavier, David Ferreira e Valentim Quaresma, que também se realizou na Praça do Município, em Lisboa. Pelo meio, a inauguração da exposição Gineceu Androceu, composta por 20 fotografias concebidas pelo fotógrafo João Telmo.

A exposição explora o conceito de inversão de género e 30% das vendas reverte a favor da Abraço. João Telmo contou com a colaboração de 20 personalidades portuguesas, tais como Soraia Chaves, Paulo Pires, Vera Kolodzig, Diogo Amaral, Maya Booth, Inês Castel-Branco, entre outros. Ao DN, Paulo Pires falou sobre esta iniciativa: "É um trabalho muito bonito que levanta a questão da igualdade de género. É bom falar das coisas, derrubar barreiras, porque, no fundo, somos todos iguais." Também Vera Kolodzig elogiou o projeto. "Mais do que vestir-me de homem o desafio foi interpretar o homem", explicou a atriz.

Para o fim da noite ficou reservada uma apresentação original de Nuno Gama, no CCB. O público foi surpreendido com a estreia do filme 50"s Nuno Gama, que assinala os 50 anos do estilista e também a sua 50.ª coleção. A coleção outono-inverno do criador será apresentada no final de abril.