"Nunca irei esquecê-la", escreveu Jagger sobre namorada

O cantor e músico dos Rolling Stones quebrou o silêncio e deixou palavras de emoção sobre a namorada que foi, esta segunda-feira, encontrada morta por enforcamento.

"Ainda estou a tentar perceber porque é que o meu amor, que também era a minha melhor amiga, pôs fim à sua vida desta forma trágica", escreveu o cantor e músico Mick Jagger, 70 anos, na rede social Facebook em reação à morte da namorada, a designer de moda norte-americana L'Wren Scott que foi, esta segunda-feira, encontrada morta no seu apartamento em Manhattan, Nova Iorque, EUA.

"Vivemos anos maravilhosos e construímos uma grande vida para nós", recordou Jagger na sua conta do Facebbok.

"Ela tinha uma presença muito forte e o seu talento era muito admirado, não só para mim", reagiu ainda o artista na plataforma.

No Facebook, a estrela da banda Rolling Stones fez questão de deixar um agradecimento especial a todos aqueles que têm deixado mensagens de apoio e prestado tributos à designer e sua companheira. "Estou emocionado com todos os tributos que têm sido feitos em honra dela, e também com todas as mensagens pessoais que tenho recebido".

"Nunca irei esquecê-la", terminou o cantor.

A polícia está a investigar o caso e, para já, aponta um "aparente suicídio" como causa da morte. L' Wren Scott foi encontrada morta pela sua assistente depois de esta receber uma mensagem de texto, enviada pela designer, pedindo-lhe que se deslocasse ao seu apartamento, sem especificar o motivo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG