"Melhor relação sexual" de Kennedy revelada por ex-político

O democrata norte-americano Bobby Baker, de 85 anos, desvendou, numa entrevista, detalhes surpreendentes da relação de John F. Kennedy com Ellen Rometsch, a sua última amante, hoje com 77 anos.

"Ela visitou várias vezes a Casa Branca", assegurou o ex-político e colega de Kennedy, em conversa com a revista Politico, afirmando ainda que Rometsch era mais bonita que Elizabeth Taylor e que adorava "sexo oral".

"Depois do primeiro encontro, o presidente ligou-me e disse-me, quase eufórico: "Foi a melhor relação sexual que já tive"", contou Baker, que geria um clube nocturno frequentado pelos amantes. Segundo ele, a alemã fazia as delícias de vários dos seus clientes e chegou também a fazer sexo oral com o presidente Gerald Ford.

Ellen Rometsch que, até agora, sempre recusou confirmar ou desmentir o romance com Kennedy, foi alvo de investigação por parte do FBI, nos anos 60, devido aos numerosos envolvimentos com políticos influentes, o que a tornava suspeita de estar aliada aos serviços secretos soviéticos. Foi extraditada, casou com um oficial alemão e, hoje, com 77 anos, vive reformada numa pequena vivenda nos arredores da cidade alemã Bona.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG