Irmã da princesa Letizia espiada por detetives

Telma Ortíz volta a ser notícia, depois de a imprensa espanhola revelar que foi vítima de uma rede de traficantes de dados, que investigaram a sua vida privada de modo a venderem os dados à comunicação social.

A irmã da princesa Letizia volta a ser notícia em Espanha por ter sido vítima de uma rede de espiões.. Constituída por mais de 150 pessoas, entre as quais detetives privados, altos dirigentes de redes de comunicação móvel ou polícias, entre outros, esta rede procurava pormenores sobre a vida privada de diversas figuras públicas espanholas, entre as quais se encontrava Telma Ortíz.

O salário da irmã da mulher do príncipe Filipe e dados da sua vida profissional eram alguns dos alvos desta rede, que tinha como fim vendê-los, posteriormente, a uma televisão espanhola que os quisesse adquirir. O caso já estava a ser investigado desde 2011.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG