Relógio de luxo de Gandolfini roubado após a sua morte

Um modelo no valor de dois mil e duzentos euros desapareceu do quarto de hotel em que o ator de 'Sopranos'foi vítima de um ataque cardíaco.

Um relógio Rolex de James Gandolfini, no valor de dois mil e duzentos euros, foi roubado do quarto de hotel em que o ator sofreu um ataque cardíaco, em Roma, escassas horas após a sua morte, a 19 de junho.

A informação foi avançada por um relatório da seguradora do protagonista de Sopranos, que acrescenta que o acessório desapareceu enquanto os médicos tentavam reanimar o ator no hospital. O hotel italiano já fez saber que não foram detetados estragos no quarto de hotel ou sinais de arrombamento da porta.

Curiosamente, numa das últimas aparições públicas de Gandolfini, na estreia do filme Nicky Deuce, em maio, o ator estava a usar o luxuoso relógio prateado.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).