"Querias abortar de mim e sou eu que sustento a casa"

CR7 não pode estar presente no lançamento do livro da mãe, mas Dolores Aveiro garante que o filho sabia de todo o conteúdo de Mãe Coragem. Até a parte em que ela quis abortar de CR7

"Os meus filhos apoiaram-me muito no livro. O Cristiano Ronaldo também sabia de tudo e brincou com a parte em que eu falo do aborto e até disse: 'Vê lá tu, mãe, querias abortar de mim e sou eu que sustento esta casa toda", disse Dona Dolores a rir-se, na apresentação do livro Mãe Coragem, no Hotel Pestana Palace.

Kátia Aveiro, que foi das primeiras a chegar, sublinhou que sente muito orgulho na mãe e explicou a ausência de Ronaldo. "Ele não está porque foi para a China fazer um trabalho de publicidade. Vai lá ficar dois ou três dias e a seguir vai para os Estados Unidos para a pré-época do Real Madrid", conta a cantora.

Tony Carreira, que veio de propósito de Paris, apareceu de surpresa e fez questão de chegar a tempo de dar um abraço a Dolores Aveiro. "É uma grande amiga de quem eu gosto muito e admiro imenso", frisa o cantor.

Na primeira fila estava Cristiano Ronaldo Junior que esteve sempre atento ao que a avó fazia, acenando-lhe com a mão e sorrindo-lhe. Assim que terminou a apresentação, correu para os seu braços.

Ler mais

Exclusivos