E a Miss EUA 2013 é... licenciada em Finanças

Erin Brady tem 25 anos, é natural de East Hampton, Connecticut, e foi coroada como a mulher mais bonita dos Estados Unidos, em Las Vegas.

Erin concorreu contra 51 mulheres e destacou-se ao desfilar com um biquíni cor-de-laranja, um vestido verde e uma roupa de gala. A modelo ainda teve a oportunidade de mostrar o lado intelectual ao expôr a sua perspectiva acerca de uma decisão do Supremo Tribunal dos EUA, o que foi um fator decisivo para conquistar os júris do concurso.

Sendo licenciada em finanças, Brady acredita que o seu exemplo pode ajudar a destruir alguns preconceitos que ainda giram à volta dos modelos de hoje-em-dia: "Penso que agora mais do que nunca as pessoas estão a aceitar que somos todos indivíduos inteligentes e que não podemos ser estereotipados".

Como resultado desta conquista, Erin será a representante americana no concurso "Miss Universo 2013" que terá lugar no dia 9 de Novembro, em Moscovo, mas ela não quer ficar por aqui e pretende deixar a sua marca em questões humanitárias: "Cresci numa família influenciada pelos efeitos do álcool e das drogas, e penso que é importante ajudar as crianças cujas famílias sofrem desses mesmos problemas", revelou a jovem à Associated Press.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Saúde

Empresa de anestesista recebeu meio milhão de euros num ano

Há empresas (muitas vezes unipessoais) onde os anestesistas recebem o dobro do oferecido no Serviço Nacional de Saúde para prestarem serviços em hospitais públicos carenciados. Aquilo que a lei prevê como exceção funciona como regra em muitas unidades hospitalares. Ministério diz que médicos tarefeiros são recursos de "última instância" para "garantir a prestação de cuidados de saúde com qualidade a todos os portugueses".