David Beckham já tem estátua... em cuecas!

O futebolista inglês é o rosto da nova colecção de roupa interior da H&M. Para assinalar o lançamento da linha, a marca decidiu espalhar estátuas em Nova Iorque, São Francisco e Los Angeles.

Chamavam-lhe de Goldenball (Bola de Ouro) nos tempos maior êxito da sua carreira, mas agora, os fãs do jogador podem vê-lo em versão prateada. Numa altura em que lança uma nova colecção de roupa interior, a marca H&M decidiu levar David Beckham, 37 anos, ao encontro dos americanos.

Colocou em diversos pontos das cidades de Nova Iorque, Los Angeles e São Francisco estátuas do craque, em tons de prateado, apenas de roupa interior. Quem por lá passar tem a oportunidade de tirar fotografias com as réplicas do jogador que, posteriormente, podem ser visualizadas numa página da Internet criada especificamente para a partilha dessas imagens.

David Bekcham mostrou as fotos promocionais na sua página oficial na rede social Facebook e já recebeu vários elogios dos seus seguidores. "Com estas imagens quero expressar a força e a qualidade da coleção David Beckham Bodywear e também o conforto das suas formas. Adoro esta linha de artigos e sinto-me confortável com qualquer uma das peças", escreveu o atleta que é casado com a ex-Spice Girl Victoria Beckham.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.