Família de Churchill oferece quadros para evitar imposto

Os descendentes do antigo primeiro-ministro britânico cederam 38 obras para obterem uma isenção de imposto sobre a herança de Mary Soames, filha do político que morreu em junho

Os descendentes de Wiston Churchill herdaram, entre outros bens, os quadros pintados pelo político britânico. As obras encontravam-se na posse de Mary Soames, que morreu em junho último aos 91 anos.

Agora, os netos do antigo primeiro-ministro decidiram oferecer ao estado britânico 38 quadros para saldar o imposto sobre a herança. A decisão do governo sobre este acordo deverá ser conhecida no próximo ano.

Paralelamente, a família vai também leiloar 15 outras obras de arte de Wiston Churchill na Sotheby,evento marcado para o dia 17 de dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG