Amigos dizem que designer não queria dinheiro de Jagger

Proprietária da empresa LS Fashion Limited, a designer de moda acumulava dívidas no valor de milhões de euros mas preferiu não pedir ajuda ao líder dos Rolling Stones.

"Ela não gostava de pedir ajuda", relatam amigos da designer de moda L'Wren Scott, e namorada de Mick Jagger, ao jornal La Vanguardia.

Encontrada morta na segunda-feira, 17, no seu apartamento em Manhattan, Nova Iorque, EUA, a designer de moda, que terá cometido o suicídio, acumulava dívidas no valor de milhões de euros devido à sua empresa de moda, a LS Fashion Limited, mas preferiu não pedir dinheiro ao vocalista dos Rolling Stones, com quem namorava desde 2001, descreve ainda o jornal.

Ainda segundo o La Vanguardia, a designer de moda tentou fazer frente às dívidas que enfrentava e, por isso, aceitou desenhar e produzir criações low cost para uma marca multinacional (Banana Republic).

Na sua última declaração fiscal no Reino Unido, em Dezembro de 2012, a empresa de L"Wren Scott, apresentava dívidas a credores de cerca de 5,5 milhões de euros, refere a BBC News. A AFP informou que a empresa teve dois anos consecutivos de prejuízo, de 4,24 milhões de euros em 2012 e 3 milhões de euros em 2011.

Em 2006, a designer de moda L'Wren Scott lançou a sua marca de roupa própria. Angelina Jolie, Madonna, Penélope Cruz, Nicole Kidman ou Sarah Jessica Parker foram algumas das celebridades mundiais que usaram as suas criações. Tal como a primeira dama dos EUA, Michelle Obama.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG