Zé Pedro fala pela primeira vez depois do transplante

Guitarrista da banda participou via telefone no concerto da banda em Santarém: "Estou a progredir bem e peço desculpa por não estar aí presente". O vídeo já está disponível na Internet.

Zé Pedro falou, assim, pela primeira vez publicamente após se ter submetido a uma operação de transplante de fígado. Nesta surpresa da banda, perante milhares de fãs eufóricos, o guitarrista aproveitou ainda para referir que já sente melhorias no seu estado de saúde e desejou boa sorte aos companheiros de banda.

O vocalista, que fez a chamada para Zé Pedro, afirmou: "Este concerto não tem o Zé Pedro e por isso é especial, mas de qualquer modo acho que vou conseguir falar com ele", disse o cantor, ligando depois ao músico.

O guitarrista, que deverá ter alta em breve, encontra-se hospitalizado desde 11 de Maio.

Ler mais

Premium

Ricardo Paes Mamede

A "taxa Robles" e a desqualificação do debate político

A proposta de criação de uma taxa sobre especulação imobiliária, anunciada pelo Bloco de Esquerda (BE) a 9 de setembro, animou os jornais, televisões e redes sociais durante vários dias. Agora que as atenções já se viraram para outras polémicas, vale a pena revistar o debate público sobre a "taxa Robles" e constatar o que ela nos diz sobre a desqualificação da disputa partidária em Portugal nos dias que correm.

Premium

Rosália Amorim

Crédito: teremos aprendido a lição?

Crédito para a habitação, crédito para o carro, crédito para as obras, crédito para as férias, crédito para tudo... Foi assim a vida de muitos portugueses antes da crise, a contrair crédito sobre crédito. Particulares e também os bancos (que facilitaram demais) ficaram com culpas no cartório. A pergunta que vale a pena fazer hoje é se, depois da crise e da intervenção da troika, a realidade terá mudado assim tanto? Parece que não. Hoje não é só o Estado que está sobre-endividado, mas são também os privados, quer as empresas quer os particulares.