Realiza-se hoje a autópsia ao ator Cory Monteith

As autoridades canadianas informaram que vão hoje realizar uma autópsia ao corpo de Cory Monteith, para descobrir as causas de morte do ator da série televisiva "Glee", encontrado morto no seu quarto de hotel na cidade de Vancouver, no sábado.

Cory Monteith, que dava vida ao estudante Finn Hudson na comédia musical "Glee", tinha decidido em abril internar-se de forma voluntária num centro de reabilitação para tratar a sua dependência de estupefacientes.

Foi a segunda vez que o ator de 31 anos ingressou numa instituição para combater a toxicodependência. A primeira vez aconteceu quando Cory Monteith tinha 19 anos.

Foi então que, graças a Maureen Webb, fundadora da organização não-governamental Project Limelight, que oferece programas a jovens em risco, Cory Monteith decidiu ter aulas de representação.

Monteith nasceu na cidade de Calgary, mas cresceu na localidade de Victoria, na Colúmbia Britânica.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?