Lady Gaga e noivo despem-se para capa de revista

A cantora inspirou-se na icónica capa da 'Rolling Stone' com John Lennon e Yoko Ono

A cantora norte-americana e o ator de Chicago Fire surgem nus numa das 16 capas da revista V, que conta com a participação de Lady Gaga como editora para assinalar a sua 99.ª edição. A voz de Bad Romance, que quis prestar homenagens aos seus ícones de estilo em cada uma das capas, aparece nua e abraçada ao noivo, Taylor Kinney, inspirada na capa de John Lennon e Yoko Ono para a Rolling Stone.

O casal mantém uma relação estável desde 2011, quando se conheceram nas gravações do teledisco de Lady Gaga You And I. Estão noivos desde 2014 mas ainda não revelaram qual uma data para o casamento.

Esta semana, enquanto recebia o prémio de Ator Favorito de uma Série Dramática pelo desempenho em Chicago Fire, nos People's Choice Awards, Taylor Kinney desfez-se em elogios à protagonista de American Horror Story: Hotel. "Amo-te, querida. Obrigado por me dares todo o teu apoio. Inspiras-me todos os dias", disse o ator.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Legalização da canábis, um debate sóbrio 

O debate público em Portugal sobre a legalização da canábis é frequentemente tratado com displicência. Uns arrumam rapidamente o assunto como irrelevante; outros acusam os proponentes de usarem o tema como mera bandeira política. Tais atitudes fazem pouco sentido, por dois motivos. Primeiro, a discussão sobre o enquadramento legal da canábis está hoje em curso em vários pontos do mundo, não faltando bons motivos para tal. Segundo, Portugal tem bons motivos e está em boas condições para fazer esse caminho. Resta saber se há vontade.

Premium

nuno camarneiro

É Natal, é Natal

A criança puxa a mãe pela manga na direcção do corredor dos brinquedos. - Olha, mamã! Anda por aqui, anda! A mãe resiste. - Primeiro vamos ao pão, depois logo se vê... - Mas, oh, mamã! A senhora veste roupas cansadas e sapatos com gelhas e calos, as mãos são de empregada de limpeza ou operária, o rosto é um retrato de tristeza. Olho para o cesto das compras e vejo latas de atum, um quilo de arroz e dois pacotes de leite, tudo de marca branca. A menina deixa-se levar contrariada, os olhos fixados nas cores e nos brilhos que se afastam. - Depois vamos, não vamos, mamã? - Depois logo se vê, filhinha, depois logo se vê...