Lady Gaga cantou com quase um milhão de euros na cabeça

Numa das suas atuações no Victoria's Fashion Show, a artista usou um chapéu avaliado em um milhão de dólares (cerca de 942 mil euros)

As peças de lingerie apresentadas no Victoria's Secret Fashion Show do passado dia 30 não foram as únicas milionárias a desfilar pelo palco do Grand Palais, em Paris. Lady Gaga, uma das artistas musicais convidadas a animar o evento, usou numa das suas atuações um chapéu avaliado em um milhão de dólares (cerca de 942 mil euros).

A Gladys Tamez Millinery de Los Angeles, onde todos os chapéus são fabricados à mão, foi a responsável pelo acessório levado pela cantora norte-americana e composto por 45700 cristais Swarovski. No total, foram 300 horas de trabalho por uma equipa de dez especialistas, conta a revista WWD.

Esta não é a primeira vez que a intérprete usa chapéus da Gladys Tamez Millinery. Na capa do seu mais recente álbum, Joanne, utiliza uma peça cor-de-rosa da mesma marca, e na gala dos American Music Awards de novembro envergou um outro, branco.

Durante o Victoria's Secret Fashion Show, Lady Gaga exibiu três looks diferentes: um vestido comprido com motivos florais da marca espanhola Yolan Cris, um jumpsuit preto de Saint Laurent e um top e uma saia comprida de Azzedine Alaïa.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).