George já escreve e mandou carta ao Pai Natal

O príncipe William entregou hoje ao pai Natal, na Finlândia, o pedido do filho para este ano

Só tem quatro anos, mas já escreve. O príncipe George, filho do príncipe William de Inglaterra e de Kate Middleton, escreveu uma carta ao pai natal com os seus pedidos para a época. A missiva foi entregue pessoalmente pelo pai, que está a realizar uma visita de dois dias à Finlândia.

O duque de Cambridge cruzou-se com o Pai Natal num mercado de Helsínquia e entregou-lhe a carta, onde é possível ver que foi escrita pelo príncipe George. Numa folha própria para escrever ao pai natal, em que podia confessar se foi mal ou bem comportado, o filho de William e Kate afirmou ter-se portado bem e, apesar de poder escolher cinco presentes, nomeou apenas um: um carro de polícia.

O príncipe William sublinhou que o filho, o terceiro na hierarquia de ascensão ao trono britânico, se tem portado bem e merece o presente. George, nascido a 22 de julho de 2013, é o filho mais velho dos duques de Cambridge. A 2 de maio de 2015 nasceu a princesa Charlotte e na primavera deverá nascer o terceiro filho do casal.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Rosália Amorim

Crédito: teremos aprendido a lição?

Crédito para a habitação, crédito para o carro, crédito para as obras, crédito para as férias, crédito para tudo... Foi assim a vida de muitos portugueses antes da crise, a contrair crédito sobre crédito. Particulares e também os bancos (que facilitaram demais) ficaram com culpas no cartório. A pergunta que vale a pena fazer hoje é se, depois da crise e da intervenção da troika, a realidade terá mudado assim tanto? Parece que não. Hoje não é só o Estado que está sobre-endividado, mas são também os privados, quer as empresas quer os particulares.