De Beckham a Harrison Ford. Lisboa é destino de eleição das celebridades

Uns aliam trabalho a lazer, outros, como Eric Cantona, escolheram a cidade para viver. O que tem Lisboa para atrair tantas estrelas?

Seja em trabalho ou para umas merecidas férias, não são só os milhares de anónimos que, a cada mês que passa, se mostram cada vez mais encantados com a cidade das sete colinas. Os visitantes ilustres, como David Beckham, que chegou nesta sexta-feira à capital portuguesa, são cada vez mais.

Vêm pela comida, pelo sol, de passagem ou para um périplo mais longo, de norte a sul do país. Aconteceu recentemente com Harrison Ford. O eterno Indiana Jones celebrou o sexto aniversário de casamento com a atriz Calista Flockhart com uma verdadeira odisseia ibérica.

Primeiro Barcelona, depois Madrid, a seguir o Sul de Espanha. Já em Portugal, comeu na Comporta e, ato contínuo, uns dias de descanso em Lisboa. Ford e a mulher jantaram no restaurante O Magano, em Campo de Ourique, e não se fizeram rogados a experimentar algumas especialidades: açorda e cabrito no forno. Acompanhados de vinho. Português, claro está.

O Indiana Jones e Julia Louis-Dreyfus (a eterna Elaine da série de humor Seinfeld) passaram por Portugal aquando do Euro 2016. E se Ford assistiu aos festejos da vitória portuguesa a norte, já Louis--Dreyfus viveu a euforia lusa em pleno Marquês de Pombal. A protagonista da série Veep chegou mesmo a partilhar um vídeo nas redes sociais, em que se mostrava surpreendida com a dimensão dos festejos.

E se não são claras as razões da visita de David Beckham a Portugal (o ex-futebolista já havia estado em Lisboa em outubro do ano passado, a gravar um anúncio publicitário para a marca de pronto-a-vestir H&M), é certo e sabido o que veio fazer Eddie Redmayne à capital portuguesa. O ator britânico de 34 anos, que interpretou o cientista Stephen Hawking no filme A Teoria de Tudo, visitou Lisboa no final de maio e, tal como Harrison Ford, deliciou-se com a gastronomia portuguesa. Jantou no Mercado da Ribeira e também na Mercearia Dona Quitéria. Diz-se também que andou a passear pela Feira do Livro de Lisboa.

Se tivéssemos de apontar as razões que atraem estas celebridades à cidade de Lisboa, diríamos que, em primeiro lugar, seria a segurança. Em segundo, a privacidade. Portugal não tem paparazzi tão agressivos como Espanha, Itália ou o Reino Unido. Não existem praticamente este tipo de fotógrafos, cuja atividade profissional é seguir celebridades, captando fotografias não autorizadas pelas mesmas em praias, na rua ou à porta de hotéis.

Só assim se explica o facto de, por exemplo, Charlotte Casiraghi, filha da princesa Carolina do Mónaco, ser frequentadora das praias da Comporta e não existirem praticamente imagens dessas visitas. Ou de, em 2000, Jennifer Aniston e Brad Pitt teram passado a sua lua-de-mel entre Sintra e Lisboa, sem que ninguém tenha realmente dado pela sua presença. Ou também de Sharon Stone já ter passado pela marisqueira Ramiro quase incógnita e de Robert de Niro ser um apreciador da gastronomia do Pap"Açorda, que recentemente se mudou do Bairro Alto para o Mercado da Ribeira.

Talvez a personalidade que justifique da melhor forma o porquê deste amor a Lisboa seja Eric Cantona. O ex-futebolista escolheu a cidade para viver com a mulher e com os filhos. "Sinto-me vivo aqui", disse em maio, em entrevista ao jornal britânico The Guardian. Nós, portugueses, compreendemo-lo bem.

Exclusivos