Inês Castel-Branco recorda noite de Globos: "Devia ter estado mais descontraída"

Criticada por não ter sorrido na entrega de um Globo de Ouro, Inês Castel-Branco reconhece, uma semana depois, que "devia ter dito boa noite" e "devia ter estado mais descontraída".

Depois de ter subido ao palco do Coliseu dos Recreios, no passado domingo, para entregar o Globo de Ouro para Melhor Grupo aos D.A.M.A, Inês Castel-Branco foi alvo de insultos e críticas nas redes sociais, que não gostaram da sua postura pouco sorridente. Uma semana depois, a atriz de 34 anos decide colocar um ponto final no assunto, reconhecendo que "devia ter estado mais descontraída".

"Eu devia ter dito boa noite, é verdade. Mas estava muito nervosa. Eu não sei ler um teleponto, não sou apresentadora, e de facto devia ter estado mais descontraída e devia ter deixado o José Mata falar e dizer boa noite. Coitado, nem isso deixei". No entanto, Inês Castel-Branco não deixa de lamentar a forma exagerada como muitas pessoas reagiram. "Se eu acho isto de uma proporção ridícula e injusta? Acho. Se já passou? Já", garantiu.

Afastada dos ecrãs desde Mar Salgado, a atriz prepara-se agora para uma nova novela, Golpe do Destino, que substituirá Coração d'Ouro na grelha da SIC. As gravações começam já esta semana, em São Tomé e Príncipe, e Inês Castel-Branco não podia estar mais entusiasmada com a viagem. "Na mala levo coisas de verão, protetores, repelentes, livros, episódios, levo muitas coisas para crianças de lá, como brinquedos e livros infantis, e levo na minha mala emocional muita vontade de começar e muita vontade de fazer um bom trabalho", revelou a atriz.

Exclusivos

Premium

Flamengo-Grémio

Jesus transporta sonho da Champions para a Libertadores

O treinador português sempre disse que tinha o sonho de um dia conquistar a Liga dos Campeões. Tem agora a oportunidade de fazer história levando o Flamengo à final da Taça Libertadores para se poder coroar campeão da América do Sul. O Rio de Janeiro está em ebulição e uma vitória sobre o Grémio irá colocar o Mister no patamar de herói.