Gwyneth Paltrow quis mostrar como é viver com 27 euros para comer por semana... mas não correu bem

Atriz aceitou o desafio de viver como as pessoas que nos EUA têm acesso aos "vales de alimentação", ou seja, 27 euros por semana para comer.

Gwyneth Paltrow foi às compras para se colocar na pele das pessoas que nos EUA têm 27 euros para comer por semana, valor dos "vales de alimentação". A atriz aceitou o desafio do chef Mario Batali (#FoodBankNYCChallenge) e assim incentivar outras pessoas a fazer o mesmo, numa tentativa de pressionar o Congresso dos EUA a repensar os cortes que estão a ser feitos neste tipo de vales em Nova Iorque.

Feitas as compras e gastos os 27 euros (29 dólares), Gwyneth Paltrow partilhou no Twitter as suas escolhas e não demorou muito a ser alvo de muitas críticas pouco simpáticas.

As escolhas foram: uma dúzia de ovos, um pacote de feijão preto, um de arroz, uma couve, ervilas, uma cebola, um abacate, um tomate, um alho, tortilhas, chili, alface, milho, cebolinhas, coentros, uma batata doce e... sete limas. Se as opções no geral foram criticadas, as sete limas levantaram muitas questões. A mais repetida é: "Se se está com um orçamento apertado, porquê comprar limas?" Há ainda quem tenha percebido que alguns dos ingredientes são perfeitos para um belíssimo guacamole.

Segundo o banco alimentar de Nova Iorque, 1,7 milhões de pessoas vivem dos "vales de alimentação" na cidade. Gwyneth Paltrow pode não ter feito as melhores escolhas, mas pelo menos parece estar a dar muita publicidade à campanha de sensibilização.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG