Governo do Malawi quer impedir Madonna de adoptar outra criança

“A nossa política não nos permite enviar os nossos filhos para lares destruídos”, afirmou o director do Departamento de Bem-Estar Social do país africano.

Madonna é esperada na segunda-feira em tribunal no Malawi para requerer a segunda adopção de uma criança deste país africano, anunciou hoje à AFP o seu advogado. “Estamos à espera dos documentos para uma eventual aprovação”, disse Alan Chinula Me à agência AFP. A cantora já tinha manifestado a sua intenção: “Muitas pessoas, especialmente os nossos amigos no Malawi, dizerem que David deve ter um irmão ou irmã”.

No entanto, de acordo a Europa Press, a pop-star norte-americana está a ser impedida de adoptar mais uma criança. O divórcio de Guy Ritchie e uma vida amorosa constantemente nas páginas das revistas cor-de-rosa foram os motivos invocados pelo Governo do Malawi para indeferir o pedido de adopção. “A nossa política não nos permite enviar os nossos filhos para lares destruídos”, declarou Simon Chisale, director do Departamento de Bem-Estar Social do Malawi. Na verdade, já na altura em que adoptou David Bana, Madonna foi acusada de ter usado a sua fama e fortuna para acelerar o processo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG