Globos de Ouro: "glamour" na passadeira vermelha

Figuras públicas encheram a passadeira vermelha dos Globos de Ouro, no Coliseu dos Recreios, de elegância e "glamour"

A passadeira vermelha da XXI cerimónia dos Globos de Ouro encheu-se de glamour e elegância, com a presença de várias das estrelas da SIC, dos nomeados nas diversas categorias e de outras figuras públicas que não quiseram perder uma das galas do ano.

Bárbara Guimarães voltou a apresentar a edição de 2016, a 11.ª que conduz, em direto do Coliseu dos Recreios, em Lisboa.

Os Globos de Ouro nomeiam este domingo os melhores nas áreas da Música, Cinema, Teatro, Desporto, Moda, Revelação e ainda irá atribuir o prémio Mérito e Excelência.

O DN acompanhou a passadeira vermelha ao minuto.

Exclusivos

Premium

Nuno Severiano Teixeira

"O soldado Milhões é um símbolo da capacidade heroica" portuguesa

Entrevista a Nuno Severiano Teixeira, professor catedrático na Universidade Nova de Lisboa e antigo ministro da Defesa. O autor de The Portuguese at War, um livro agora editado exclusivamente em Inglaterra a pedido da Sussex Academic Press, fala da história militar do país e da evolução tremenda das nossas Forças Armadas desde a chegada da democracia.

Premium

Ferreira Fernandes

A angústia de um espanhol no momento do referendo

Fernando Rosales, vou começar a inventá-lo, nasceu em Saucelle, numa margem do rio Douro. Se fosse na outra, seria português. Assim, é espanhol. Prossigo a invenção, verdadeira: era garoto, os seus pais levaram-no de férias a Barcelona. Foram ver um parque. Logo ficou com um daqueles nomes que se transformam no trenó Rosebud das nossas vidas: Parque Güell. Na verdade, saberia só mais tarde, era Barcelona, toda ela.