Um ano depois da sua morte, filha de Carrie Fisher faz tributo perfeito à mãe

Atriz que deu corpo à Princesa Leia de Star Wars era apaixonada por auroras boreais. A filha "ofereceu-lhe" uma no 1.º aniversário da sua morte

Billie Lourd, filha de Carrie Fisher - a atriz famosa pela sua participação no filme Star Wars que morreu repentinamente no dia 27 de dezembro de 2016 -, encontrou uma forma mágica e perfeita de homenagear a mãe. A jovem, também atriz, viajou até à Noruega só para ver as auroras boreais que Carrie Fisher tanto adorava e que tinha intenções de um dia ver na companhia da filha.

Agora que já não pode realizar este sonho, Billie Lourd aproveitou o primeiro aniversário da morte de Carrie Fisher para lhe "dedicar" as Luzes do Norte no Instagram e recordar a sua forma única de olhar o mundo, citando o que a mãe dizia.

"A minha momby sentia uma obsessão transcendental pelas auroras boreais, mas nunca chegámos a vê-las juntas. Fomos até ao Norte da Noruega para ver se conseguíamos 'ver os céus levantar as saias negras para exibir as suas cintilantes partes privadas perante as [nossas] indignas íris'. E os céus assim fizeram. Amo-te até ao infinito."

Carrie Fisher morreu aos 60 anos, vítima de ataque cardíaco, fez esta quarta-feira 1 ano. A mãe de Carrie, a atriz Debbie Reynolds, morreu um dia depois após sofrer um AVC. Assinalando a data, Billie Lourd também recordou a avó publicando uma foto a preto e branco de Debbie e Carrie, quando esta ainda era criança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG