FBI interrogou Jolie e filhos sobre alegada violência de Pitt

O interrogatório do FBI a Angelina Jolie e aos filhos, sobre o episódio da alegada violência de Brad Pitt para com uma das crianças, terá decorrido ao longo de três horas em casa da atriz em Malibu

O FBI já interrogou Angelina Jolie e os filhos, de forma a determinar se as ações de Brad Pitt para com uma das crianças pode ser considerada violência infantil. De acordo com a imprensa internacional, os agentes do departamento da polícia federal norte-americana estiveram durante três horas em casa da atriz, em Malibu.

Além de averiguarem se o alegado incidente ocorrido a bordo de um avião que transportava Angelina Jolie e Brad Pitt, juntamente com os filhos, de França para os EUA pode ser considerado crime - ou se se tratou apenas de uma discussão mais acesa entre pai e filho -, os agentes terão de investigar se esse mesmo incidente ocorreu em espaço aéreo norte-americano. Caso contrário, outras agências governamentais tomarão conta do caso.

Em causa está a atitude do ator norte-americano, de 51 anos, que estaria alegadamente alcoolizado e ter-se-á irritado com um dos filhos, tendo passado para a violência física. O episódio, que chegou às autoridades através de uma denúncia anónima, ocorreu dias antes de a atriz norte-americana entregar em tribunal os papéis do pedido do divórcio.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG