Quatro portugueses sequestram e agridem motorista que os levou a Vigo

Grupo de jovens contratou serviço de transporte no Porto, mas quando o motorista - também português - quis regressar a Portugal, foi agredido e obrigado a permanecer na Galiza.

Quatro jovens - um deles menor de idade - foram detidos pela polícia da localidade de O Porriño, na província de Pontevedra (Galiza), e acusados de agressão e sequestro de um português - o motorista que conduzia o carro que transportava o grupo.

De acordo com o jornal La Voz de Galicia, o homem terá sido obrigado a permanecer com o grupo, mesmo depois de ter pedido para regressar a Portugal.

A polícia intercetou o carro após este ter feito uma manobra perigosa - que terá sido propositada para que as autoridades mandassem parar o veículo, o que acabou por acontecer.

Foi então que o motorista, que tinha um hematoma no olho direito e um ferimento na cabeça, contou que terá sido obrigado a permanecer com o grupo, mesmo depois de ter pedido para regressar a Portugal. Foi agredido e ameaçado e obrigado a permanecer com o grupo.

Segundo as autoridades, a declaração do motorista é consistente com uma queixa apresentada em Portugal pela detenção ilegal do motorista. Os quatro jovens foram detidos, presentes a tribunal e libertados com medidas de coação, estando acusados de sequestro e agressão.