Mulher morre vítima de "disparo acidental" pelo pai em Ovar

Uma mulher de 43 anos morreu esta terça-feira, vítima de um "disparo acidental" provocado pelo próprio pai, e que causou também um ferido, em Válega, Ovar, disse fonte do comando territorial da GNR de Aveiro.

Segundo a mesma fonte, a morte ocorreu nesta última noite do ano pelas 21:00.

O autor do disparo, pai da vítima mortal, foi identificado, mas o responsável da GNR disse não dispor de informação se o homem terá sido detido.

O genro da vítima ficou ferido e foi transportado para o hospital, desconhecendo-se o seu estado.

Contactada pela Lusa, fonte da Polícia Judiciária de Aveiro confirmou a morte da mulher, escusando-se a adiantar mais pormenores.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG