"Violador do Facebook" condenado por ameaças a ex-marido da atual companheira

Condenado no tribunal de Viana do Castelo a quatro anos de prisão efetiva por ameaças de morte ao ex-marido da atual companheira

Um homem que ficou conhecido por "violador do Facebook" foi condenado no tribunal de Viana do Castelo, a quatro anos de prisão efetiva por ameaças de morte ao ex-marido da atual companheira, avançou esta quinta-feira o Jornal de Notícias .

Rogério Perbe, de 52 anos, de Loures, que conheceu a sua companheira na Internet a partir da prisão, quando esta ainda era casada, está a cumprir uma pena de 15 anos e seis meses de cadeia, por rapto, sequestro, violação de duas mulheres e abuso sexual da própria filha.

Agora, Rogério Perbe foi condenado a nova pena por dois crimes de ameaça agravada, dois de ameaça simples e um de coação agravado. Segundo a sentença, o homem ameaçou através da internet e telemóvel o anterior parceiro da mulher que é a sua atual companheiro e com quem pretende casar-se.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?