De Bragança a Faro hoje há 24 concelhos com risco máximo de incêndio

IPMA prevê uma subida da temperatura máxima a norte do Baixo Alentejo, sendo pequena na faixa costeira a sul do Cabo Mondego.

Vinte e quatro concelhos dos distritos de Bragança, Guarda, Viseu, Castelo Branco e Faro estão hoje em risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, estão em risco máximo de incêndio os concelhos de Vimioso, Alfândega da Fé, Mogadouro, Torre de Moncorvo e Freixo de Espada à Cinta, no distrito de Bragança, e os concelhos de Sernancelhe, Tabuaço e Penedono, no distrito de Viseu.

Estão também com risco máximo de incêndio os concelhos de Vila Nova de Foz Côa, Meda, Trancoso, Celorico da Beira, Guarda, Pinhel e Figueira de Castelo Rodrigo, no distrito da Guarda.

No distrito de Castelo Branco, estão sob o mesmo alerta os concelhos de Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão, segundo a informação disponibilizada no site do IPMA.

Em Faro, estão com risco máximo de incêndio os concelhos de Monchique, Portimão, Silves, Tavira, São Brás de Alportel, Castro Marim e Alcoutim.

O IPMA colocou ainda em risco muito elevado de incêndio 55 municípios dos distritos do Porto, Bragança, Braga, Viseu, Faro, Beja, Portalegre, Vila Real, Castelo Branco, Guarda e Santarém.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre o "reduzido" e o "máximo".

O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 em cada dia relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para hoje, em Portugal continental, céu limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade no interior da região sul até ao início da manhã e nas regiões do litoral oeste a sul do Rio Douro até ao meio da manhã. O vento soprará em geral fraco do quadrante norte, soprando moderado (20 a 30 km/h) de noroeste no litoral oeste e do quadrante oeste no Algarve, em especial durante a tarde e a sul do Cabo Carvoeiro. Nas terras altas o vento soprará moderado a forte (30 a 40 km/h), de nordeste nas regiões Norte e Centro e de noroeste na região Sul, até meio da manhã e a partir do final da tarde.

Prevê-se uma subida da temperatura máxima a norte do Baixo Alentejo, sendo pequena na faixa costeira a sul do Cabo Mondego.

Nos Açores, Grupo Ocidental, as previsões apontam para períodos de céu muito nublado, tornando-se pouco nublado a partir da tarde e aguaceiros na madrugada e manhã, como possibilidade de trovoadas na madrugada e manhã, e o vento a soprar fraco.

Nos grupos Central e Oriental são esperados períodos de céu muito nublado com abertas, havendo a possibilidade de aguaceiros fracos, e o vento será fraco.

Para a Madeira, prevê-se períodos de céu muito nublado, com o vento a soprar moderado de nordeste.

As temperaturas máximas previstas para hoje são de 28 graus centígrados em Lisboa, 29 no Porto em Faro, 31 em Bragança, 33 em Beja e 35 em Castelo Branco, 27 no Funchal e 26 em Ponta Delgada.

Ler mais

Exclusivos

Premium

nuno camarneiro

Uma aldeia no centro da cidade

Os vizinhos conhecem-se pelos nomes, cultivam hortas e jardins comunitários, trocam móveis a que já não dão uso, organizam almoços, jogos de futebol e até magustos, como aconteceu no sábado passado. Não estou a descrever uma aldeia do Minho ou da Beira Baixa, tampouco uma comunidade hippie perdida na serra da Lousã, tudo isto acontece em plena Lisboa, numa rua com escadinhas que pertence ao Bairro dos Anjos.

Premium

Rui Pedro Tendinha

O João. Outra vez, o João Salaviza...

Foi neste fim de semana. Um fim de semana em que o cinema português foi notícia e ninguém reparou. Entre ex-presidentes de futebol a serem presos e desmentidos de fake news, parece que a vitória de Chuva É Cantoria na Aldeia dos Mortos, de Renée Nader Messora e João Salaviza, no Festival do Rio, e o anúncio da nomeação de Diamantino, de Daniel Schmidt e Gabriel Abrantes, nos European Film Awards, não deixou o espaço mediático curioso.