Turistas perdidos na Madeira foram localizados e estão em segurança

Os dois turistas perderam-se na levada da Encumeada na tarde de domingo. Foram localizados na manhã desta segunda-feira.

O casal de estrangeiros que se perdeu no domingo na levada da Encumeada, na Madeira, foi localizado de manhã e "encontra-se bem", informou esta segunda-feira o Serviço de Regional de Proteção Civil (SRPC).

A informação disponibilizada na página da internet do SRPC diz que as buscas para localizar o casal começaram às 16:00 de domingo e "prosseguiram durante a madrugada", tendo terminado na manhã de segunda-feira, às 09:10, "com a localização das duas pessoas".

Ao nível dos meios mobilizados, foram "constituídas equipas mistas com operacionais de várias entidades", envolvendo 30 elementos das corporações de bombeiros da Ribeira Brava e Ponta do Sol e de São Vicente e Porto Moniz, além da Polícia Florestal.

Fonte da Proteção Civil mencionou que os turistas estão no concelho de São Vicente, no norte da ilha da Madeira, e "já estão acompanhados" pelos bombeiros.

Os dois turistas perderam-se na levada da Encumeada, um dos percursos pedestres nas serras da ilha, mas estavam munidos de bens essenciais e água, referiu uma fonte dos bombeiros.

A dificuldade da localização foi maior porque os dois estrangeiros não conseguiam dar dados de referência da sua localização por ser de noite.

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

"Corta!", dizem os Diáconos Remédios da vida

É muito irónico Plácido Domingo já não cantar a 6 de setembro na Ópera de São Francisco. Nove mulheres, todas adultas, todas livres, acusaram-no agora de assédios antigos, quando já elas eram todas maiores e livres. Não houve nenhuma acusação, nem judicial nem policial, só uma afirmação em tom de denúncia. O tenor lançou-lhes o seu maior charme, a voz, acrescida de ter acontecido quando ele era mais magro e ter menos cãs na barba - só isso, e que já é muito (e digo de longe, ouvido e visto da plateia) -, lançou, foi aceite por umas senhoras, recusado por outras, mas agora com todas a revelar ter havido em cada caso uma pressão por parte dele. O âmago do assunto é no fundo uma das constantes, a maior delas, daquilo que as óperas falam: o amor (em todas as suas vertentes).

Premium

Crónica de Televisão

Os índices dos níveis da cadência da normalidade

À medida que o primeiro dia da crise energética se aproximava, várias dúvidas assaltavam o espírito de todos os portugueses. Os canais de notícias continuariam a ter meios para fazer directos em estações de serviço semidesertas? Os circuitos de distribuição de vox pop seriam afectados? A língua portuguesa resistiria ao ataque concertado de dezenas de repórteres exaustos - a misturar metáforas, mutilar lugares-comuns ou a começar cada frase com a palavra "efectivamente"?