Troço do IP4 reaberto ao trânsito após corte devido a incêndio

Depois de quase quatro horas cortado, troço foi reaberto perto das 20.00

O Itinerário Principal (IP4), que liga Amarante a Vila Real, em Trás os Montes, foi reaberto à circulação pelas 20:00, após ter estado cortado ao trânsito durante quatro horas devido a um incêndio florestal, indicou a GNR.

"Foi restabelecida a circulação de trânsito nos dois sentidos do IP4 às 19:59", disse à agência Lusa fonte do Comando-Geral da GNR.

O IP4 esteve encerrado ao trânsito, nos dois sentidos, entre o quilómetro 62,8 e o 67,1 devido a um incêndio florestal.

Segundo a GNR, aquele troço do IP4 que liga Amarante a Aboadela foi cortado cerca das 16:00, aquando da deflagração do incêndio.

Segundo a página da internet da Proteção Civil, o incêndio, que deflagrou em Amarante, às 14:41, e que consumiu uma área de mato, está em fase de conclusão.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Crespo

E uma moção de censura à oposição?

Nos últimos três anos, o governo gozou de um privilégio raro em democracia: a ausência quase total de oposição. Primeiro foi Pedro Passos Coelho, que demorou a habituar-se à ideia de que já não era primeiro-ministro e decidiu comportar-se como se fosse um líder no exílio. Foram dois anos em que o principal partido da oposição gritou, esperneou e defendeu o indefensável, mesmo quando já tinha ficado sem discurso. E foi nas urnas que o país mostrou ao PSD quão errada estava a sua estratégia. Só aí é que o partido decidiu mudar de líder e de rumo.