PJ realiza buscas no quartel dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz

Fonte ligada a este processo explicou à Lusa tratar-se de eventuais crimes de falsificação e peculato.

A Polícia Judiciária (PJ) está esta segunda-feira a efetuar buscas no quartel dos bombeiros voluntários da Figueira da Foz, na sequência de um alegado crime da área económica e financeira, disse à agência Lusa fonte desta polícia.

Contactado pela Lusa, o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, Lídio Lopes, confirmou a presença de elementos da PJ no quartel e mostrou total abertura para apoiar as investigações.

"A associação está inteiramente à disposição para que tudo se esclareça na investigação, preservando o seu bom-nome e aguardando pelo resultado das investigações", disse Lídio Lopes.

A PJ disse à Lusa que "estão a ser efetuadas buscas, no âmbito de um processo do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra, a ser investigado pela Polícia Judiciária de Coimbra, por um crime da área económica e financeira".

"O processo está em segredo de justiça", indicou a mesma fonte.

Fonte ligada a este processo explicou à Lusa tratar-se de eventuais crimes de falsificação e peculato.

Em causa, disse esta mesma fonte ligada ao processo, estarão eventuais crimes levados a cabo por um antigo chefe adjunto do comando (Nelson Fadigas) e pela sua esposa (Carla Mendes), ex-bombeira. Estes dois elementos demitiram-se recentemente dos bombeiros da Figueira da Foz, no distrito de Coimbra.

A mesma fonte esclareceu que um elemento que foi demitido recentemente em processo disciplinar estará na origem da denúncia, já que enviou essa mesma denúncia à associação e eventualmente à PJ.

Exclusivos

Premium

Betinho

"NBA? Havia campos que tinham baldes para os jogadores vomitarem"

Nasceu em Cabo Verde (a 2 de maio de 1985), país que deixou aos 16 anos para jogar basquetebol no Barreirense. O talento levou-o até bem perto da NBA, mas foi em Espanha, Andorra e Itália que fez carreira antes de regressar ao Benfica para "festejar no fim". Internacional português desde os Sub-20, disse adeus há seleção há apenas uns meses, para se concentrar na carreira. Tem 34 anos e quer jogar mais três ou quatro ao mais alto nível.