Fogo em Seia mobiliza 200 operacionais

Pelas 17:45, o fogo lavrava numa zona de mato e de pinhal e tinha três frentes ativas

Às 19:00, 200 operacionais, apoiados por 58 viaturas e oito meios aéreos estavam envolvidos no combate a um incêndio rural em Loriga, no concelho de Seia, disse a proteção civil.

O incêndio começou pelas 16:13 horas, numa zona de povoamento florestal, em Fontão, Loriga, no concelho de Seia, na Serra da Estrela, segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda.

Pelas 17:45, o fogo lavrava numa zona de mato e de pinhal e tinha três frentes ativas, segundo a fonte.

O CDOS da Guarda acrescentou que "de momento" o incêndio rural não coloca povoações em perigo.

Ler mais

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.