Fogo obriga à retirada de linces do centro de reprodução de Silves

Os 29 animais serão deslocados para centros espanhóis

Maria João Caetano
Lince ibérico© Fernando Fontes/ Arquivo Global Imagens

O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) decidiu, como medida de prevenção, retirar os 29 linces que se encontravam no Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico (CNRLI), situado na Herdade das Santinhas, em Silves.

Segundo o comunicado do Ministério do Ambiente, os animais serão deslocados para instalações dos parceiros espanhóis, que já colocaram à disposição de Portugal todo o apoio necessário. Esta era uma medida já prevista no Plano de Contingência, ativado no domingo.

A acompanhar os linces estão técnicos do CNRLI e do ICNF, bem como a equipa de gestão do Centro, constituída por veterinários, tratadores e outros técnicos especializados. No terreno encontram-se ainda equipas de vigilantes da natureza e uma equipa do corpo de fuzileiros da Marinha, entre outros operacionais.

O Centro Nacional de Reprodução do Lince-ibérico foi inaugurado a 22 de maio de 2009 e integra a Rede Ibérica de Centros de Reprodução do Lince-ibérico. Desde então já ali nasceram 103 linces - desses, alguns morreram e 63 foram reintroduzidos na natureza (dados de maio passado).