Governo anuncia mais 47 milhões para requalificar escolas na região Centro

A tutela conta que sejam alocados cerca de 111 milhões para a requalificação de escolas, em vários pontos do país, através do programa Portugal 2020.

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, anunciou esta segunda-feira que a reprogramação dos fundos do Portugal 2020 vai disponibilizar 47 milhões de euros para a requalificação de escolas na região Centro.

Segundo o governante, a verba junta-se aos 39 milhões de euros que já tinham sido anunciados em junho, destinados à requalificação de escolas no Norte. "São novas dezenas de escolas que vão ter a fortuna de ter os seus espaços requalificados para que possam cumprir em pleno, como aqui acontece, uma vida nova", afirmou.

Tiago Brandão Rodrigues falava em Fafe, no distrito de Braga, na inauguração da requalificação e ampliação da escola secundária da cidade e da Escola Carlos Teixeira, do ensino básico, numa cerimónia presidida pelo primeiro-ministro, António Costa.

As obras realizadas naqueles estabelecimentos, onde estudam quase três mil alunos, representaram um investimento de cerca de 10 milhões de euros, 4,4 dos quais assumidos pela Câmara de Fafe, no âmbito de uma parceria com a administração central.

O titular da pasta da Educação referiu que a reprogramação do Portugal 2020 vai alocar, no total, cerca de 111 milhões para a requalificação de escolas, em vários pontos do país.

Recordou, também, que nos últimos anos, em colaboração com os municípios, o país alocou 350 milhões de euros de fundos comunitários, com "intervenções em mais de 200 escolas".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG