Crime violento sobe em três distritos. Veja no mapa como está o seu

O Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) mostra, pela primeira vez, quais foram e como evoluíram os principais crimes violentos em cada distrito. A maior subida foi em Vila Real e a maior descida foi em Portalegre

Nos 18 distritos do país, a criminalidade violenta e grave apenas subiu em três: Beja, Leiria, Vila Real. Em contraciclo com a tendência nacional - com estes crimes a descerem 8,6%, estão também a Madeira e os Açores.

Os crimes violentos e graves diminuíram 42,5% nos últimos dez anos, representando 4,2% de toda a criminalidade participada em 2018, segundo dados do Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) que será entregue esta sexta-feira na Assembleia da República.

Os crimes que mais contribuíram para a diminuição deste tipo de criminalidade no ano passado foram o roubo por esticão, que desceu 18,6% (menos 734 participações) e o roubo na via pública sem ser por esticão, que baixou 9,4%, menos 552.

Em sentido contrário, entre os crimes violentos que mais subiram, foram o homicídio voluntário consumado, que aumentou 34,1% e os crimes de extorsão, que subiram 46,4% no ano passado em relação a 2017.

Clique no mapa para ver o que aconteceu em cada distrito

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG