Exclusivo Os irados e o PAN

A TVI fez uma reportagem sobre um grupo de nome IRA, Intervenção e Resgate Animal. Retirados alguns erros na peça, como, por exemplo, tomar por sério um vídeo claramente satírico, mostra-se que estamos perante uma organização de justiceiros. Basta, aliás, ir à página deste grupo - que tem 136 000 seguidores - no Facebook para ter a confirmação inequívoca de que é um grupo de gente que despreza a lei e as instituições democráticas e que decidiu fazer aquilo que acha que é justiça pelas suas próprias mãos.

Mais, os seus membros têm consciência da ilicitude das suas atividades. Os vídeos que exibem relatam atentados às mais variadas leis e o rosto tapado dos seus ativistas mostra que sabem o que estão a fazer. Se isso não chegasse, atente-se nesta declaração do fundador ao Observador: "O que vamos fazer hoje é um sequestro de um animal. Se chegarmos lá e o dono tiver dado sumiço ao animal, poderemos fazer um sequestro do dono até ele nos contar onde está o animal... As nossas ações justificam os fins que pretendemos: o bem-estar animal."

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG