Não pode levar o seu cão a passear à rua? Aqui está a solução para os seus problemas

A dona deste Bulldog francês encontrou uma excelente solução para quando não pode (ou não lhe apetece) levar o seu amigo de quatro patas a passear. Para evitar maus cheiros e sujidade no interior da sua casa, ela teve a ideia de pôr no cão uma fralda de bebé presa por suspensórios para que ele possa fazer as suas necessidades. Talvez não seja uma solução que possa adotar permanentemente, até porque não deve ser muito confortável para o cachorro, mas é uma boa ideia que certamente dá muito jeito para quando não é de todo possível levá-lo a passear. TEXTO: […]

Para saber mais clique aqui: www.n-tv.pt

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

Globalização e ética global

1. Muitas das graves convulsões sociais em curso têm na sua base a globalização, que arrasta consigo inevitavelmente questões gigantescas e desperta paixões que nem sempre permitem um debate sereno e racional. Hans Küng, o famoso teólogo dito heterodoxo, mas que Francisco recuperou, deu um contributo para esse debate, que assenta em quatro teses. Segundo ele, a globalização é inevitável, ambivalente (com ganhadores e perdedores), e não calculável (pode levar ao milagre económico ou ao descalabro), mas também - e isto é o mais importante - dirigível. Isto significa que a globalização económica exige uma globalização no domínio ético. Impõe-se um consenso ético mínimo quanto a valores, atitudes e critérios, um ethos mundial para uma sociedade e uma economia mundiais. É o próprio mercado global que exige um ethos global, também para salvaguardar as diferentes tradições culturais da lógica global e avassaladora de uma espécie de "metafísica do mercado" e de uma sociedade de mercado total.