Eurovisão 2019. Primeiro-ministro de Israel fala em Jerusalém, organização diz que "não foi definida cidade"

A vencedora da 63.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, a israelita Netta, disse que em 2019 o concurso será em Jerusalém, algo que o primeiro-ministro do país também afirmou, embora a organização não confirma. “Para o ano em Jerusalém”, afirmou Netta no palco da Altice Arena, em Lisboa, momentos depois de se ter sagrado vencedora do concurso. Entretanto, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyhau, através da sua conta oficial na rede social ‘Twitter’, disse o mesmo. “No próximo ano em Jerusalém”, lê-se numa publicação partilhada pouco depois das 00:00 deste domingo, acompanhada de um vídeo com a consagração de […]

Para saber mais clique aqui: www.n-tv.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG