Voos suspensos em Gatwick por causa de drone

Aeroporto londrino teve de desviar voos como medida de segurança

Os responsáveis da torre de controlo do segundo maior aeroporto de Londres, Gatwick, viram-se forçados a suspender o tráfego aéreo por duas vezes devido à presença de um drone.

Um porta-voz esclareceu que a pista de aterragem ficou sem atividade na tarde de domingo durante nove minutos num primeiro momento e cinco minutos num segundo, o que representou o desvio de cinco voos - quatro da Easyjet e um da British Airways - para outros aeroportos.

Em novembro de 2016, o Reino Unido aprovou nova legislação sobre os drones. Estes aparelhos estão proibidos junto de aeroportos e aeródromos, não podem voar acima dos 120 metros e devem manter uma distância de segurança de 50 metros das pessoas.

Em Lisboa, num período de um mês ocorreram seis incidentes junto do aeroporto Humberto Delgado. Hoje houve, outro incidente, mas no aeroporto do Porto.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG