Detido suspeito de atropelamento de patrulha antiterrorismo

Condutor chocou com vários veículos e os polícias dispararam diversas vezes, ferindo-o

A viatura suspeita de ter atropelado hoje soldados perto de Paris foi intercetada ao início da tarde e o seu condutor foi detido, depois de ter sido ferido a tiro pela polícia, disseram fontes concordantes.

A operação "musculada" ocorreu na autoestrada em direção a Calais (norte), segundo uma fonte próxima da investigação.

"O homem interpelado, nascido em 1980, é provavelmente o autor" do atropelamento, "pois estava no veículo procurado e tentou fugir", de acordo com uma fonte judicial.

Para escapar à detenção, o condutor chocou com um ou vários veículos e então os polícias dispararam diversas vezes, ferindo-o, adiantou a mesma fonte.

Seis soldados ficaram feridos no atropelamento de uma patrulha antiterrorista ocorrido às 08:30 (07:30 em Lisboa) perto do edifício da Câmara Municipal de Levallois Perret, na periferia de Paris.

O ministro do Interior francês, Gerard Collomb, disse que os soldados foram alvo de um ataque deliberado e defendeu uma nova lei contra o terrorismo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG